Além do básico na prática de exercícios

Saia do básico! Conheça o seu real estado físico e tenha resultados concretos

Além do básico na prática de exercícios

A maioria das pessoas fica feliz e satisfeita com uma abordagem relax do tipo mais básico de “apenas faça” para se exercitar, ou “o importante é se mexer”. Elas vão à academia, fazem uma aula de dança ou uma caminhada, suam muito – isso não significa emagrecer – comem algo saudável e repetem isso por algum tempo.

além do básico

Caso o objetivo seja um estilo de vida saudável, mantendo-se ativo e com os níveis de estresse sob controle, a prática de exercícios regulares e a alimentação saudável é o básico a ser feito.

No entanto, de tempos em tempos, é bom verificar o estado físico para ter certeza de que essas atitudes saudáveis estão realmente gerando melhorias. Se não há uma avaliação concreta, existem apenas suposições.

Se você está aqui, significa que quer saber além do básico

Nesse contexto, o ponto de partida é avaliar a composição corporal e o condicionamento físico. Para a avaliação de composição corporal é preciso uma anamnese utilizando dados como o IMC (Índice de Massa Corporal), RCQ (Relação Cintura-Quadril) e Antropometria.

A composição corporal é definida como a proporção entre gordura e tecido isento de gordura no corpo. Ou seja, é possível estimar o percentual de gordura em relação ao peso corporal. Afinal ter uma aparência magra não é sinônimo de estar magro. (Temos um artigo sobre isso: Obesidade oculta: você sabe o que é? ).

Com os resultados dessa avaliação, é possível traçar um trabalho de qualidade e segurança, com objetivos claros – seja ele de saúde, estética, performance ou de reabilitação, indo assim, além do básico.

Além da avaliação de Composição corporal, a avalição de Condicionamento físico acrescenta dados importantes para a elaboração do plano de treino ideal. Força, resistência e potência são as três principais qualidades físicas examinadas.

Uma vez que você superou o básico, conheça o próximo ponto

básico

A força pode ser relativa ou absoluta. A primeira, significa o quão forte você é em relação ao próprio peso corporal. Já a segunda, se refere à quantidade de peso que se pode levantar, independentemente do tamanho e peso.

Ser capaz de levantar 80kg não é extraordinário se a pessoa pesa por volta de 85kg, porém é uma demonstração notável de força. A capacidade de mover o próprio peso corporal é o que incorpora a ideia de força relativa.

A resistência é dividida em resistência muscular e cardiovascular. A resistência muscular mede a capacidade dos músculos se contraírem repetidamente contra uma resistência (peso corporal, halteres, barras, elásticos, etc.) por um determinado período de tempo. Isso é bem evidente na tradicional musculação e no treinamento funcional.

Enquanto que a resistência cardiovascular mede a capacidade do coração e dos pulmões de fornecer oxigênio aos tecidos do corpo durante a atividade física por um longo período de tempo, como uma corrida de 10km, por exemplo.

A potência é a habilidade de expressar força rapidamente – como correr ou saltar. É um componente chave não apenas para o esporte, mas também para ter um envelhecimento saudável.

Quanto mais potência tiver, isto é, a rapidez em imprimir força em um movimento, (o simples fato de sentar sozinho no vaso sanitário e levantar depois) mais independente será a vida nesta fase.

Em resumo, realizar uma avaliação inicial é fundamental na determinação do estado físico, em qualquer programa de treinamento de físico, seja emagrecimento, ganho de massa muscular, ou na prevenção e tratamento de doenças.

Então, diferentemente do básico do “apenas faça” e do “o importante é se mexer”, exercite-se com consciência do que está  fazendo. Busque por profissionais qualificados para uma boa avaliação, uma boa prescrição de exercícios e controle dos resultados do seu treinamento e conquiste muito além do básico.

básico
Yumi Saito

Fundadora de YUMI SAITO SPORTS LIFE & CONSULTORIA, é professora de Educação física, especializada em educação especial. Tem 11 anos de experiência em treinamento de grupos especiais e educação física escolar.

Deixe uma resposta

Leia mais posts relacionados