Todo Dia JP – Conteúdo relevante para os brasileiros no Japão – Alguns direito reservados

O kafunsho e exercício físico

No Japão, saindo do inverno e entrando na primavera, o “kafunsho” atinge muitas pessoas. O “kafunsho” é frequentemente causado pelo pólen de algumas árvores liberado nesta época do ano, assim como pode provocar  outras rinites alérgicas e conjuntivite alérgica.

Os principais sintomas do “ kafunsho” são espirros, coriza, nariz entupido, coceira nos olhos, dor de cabeça e mal-estar. Isso interfere fortemente na vida de quem sofre com essa alergia, pois esses sintomas nasais dificultam a respiração, o que causa impacto nos estudos, trabalho e tarefas domésticas, como diminuição da concentração e dificuldade para dormir. 

Tratamento 

O “kafunsho” é tratado como outras alergias, o que inclui medicamentos anti-histamínicos que suprimem a coceira nos olhos, coriza, a inflamação e a congestão  nasal, pois eles bloqueiam os efeitos da histamina, que é um mediador químico liberado pelo sistema imune durante reações alérgicas.  

No entanto, exercícios físicos podem ajudar a melhorar os sintomas do “kafunsho”. Quando se pratica atividades físicas regularmente, aumenta-se a taxa metabólica basal. Ao aumentar o metabolismo, melhora-se a imunidade e com isso, a função do organismo de eliminar substâncias estranhas do corpo torna-se mais eficiente e, como resultado, os sintomas do “kafunsho” podem ser reduzidos. 

Além disso, durante a prática ativa, aumenta-se o fluxo sanguíneo, o que melhora a respiração, assim como alivia o  estresse e proporciona um sono de qualidade, sendo que estresse e falta de sono são fatores que pioram os sintomas das alergias no geral. Então nesse contexto, o melhor a fazer é evitá-los incluindo ao dia a dia uma rotina de exercícios físicos.

Na prática

Naturalmente, muito pólen está sendo liberado nessa época.  Então, se a preferência for caminhar, correr, pedalar ou praticar esportes ao ar livre,  é necessário encontrar maneiras de evitar ao máximo a entrada de pólen no corpo.

O pólen tem maior probabilidade de aderir à pele, cabelos e roupas. Por isso, limpe o corpo com toalha ou lenço umedecido, troque de roupa com frequência, lave o cabelo antes e depois do exercício. Além disso, lave os olhos, faça gargarejo com os produtos específicos e se possível utilize máscara. 

Boas opções de exercícios , nesse caso, é o treinamento em academia , em casa, natação e hidroginástica, pois poupará os indivíduos alérgicos do contato direto com o pólen. 

Pontos importantes

  • Durante os exercícios, expire no momento em que estiver fazendo mais força;

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *