Todo Dia > Saúde > Tendências de fitness

Tendências de fitness

Os resultados da Pesquisa Mundial de Tendências de Fitness do ACSM orientam o setor de saúde e fitness e também fornecem preferências regionais exclusivas.  Qual a sua favorita?

Tendências de fitness
Yumi Saito Consultoria

Receba os posts por email assim que foram publicados

A Pesquisa Mundial de Tendências de Fitness do American College of Sports Medicine (ACSM’s) ocorre anualmente e tem como objetivo identificar as vinte principais tendências de fitness e reconhecer essas tendências representadas em países como Austrália, Brasil, China, Europa, México, Espanha e Estados Unidos.

Todas as pesquisas foram realizadas eletronicamente usando formulários da SurveyMonkey ou do Google. A pesquisa foi distribuída a profissionais de saúde e fitness por meio de e-mail e redes de mídia social, com as pesquisas abertas para respostas por uma duração que varia de quatro a treze semanas.

Em 2022, no Brasil foram identificadas quarenta e cinco tendências, sendo três exclusivas do país: Academia de baixo custo;  boxe, kickboxing e artes marciais mistas (MMA) e estimulação muscular eletromagnética (EMS).

As vinte principais tendências fitness para 2022 no Brasil:

1- Treinamento pessoal

2- Exercício para perda de peso

3- Treinamento pessoal on-line

4- Programas de recuperação pós-COVID

5- Treinamento de peso corporal

6- Programas de fitness para idosos

7- Medicina do estilo de vida

8- Atividades ao ar livre

9- Treinamento funcional de condicionamento físico

10- Academia de ginástica em casa

11- Aulas pós reabilitação 

12- Coaching de saúde/bem-estar

13- Treinamento pessoal em pequenos grupos

14- Treinamento intervalado de alta intensidade

15- Treinamento de força com pesos livres

16- Mobilidade/ liberação miofascial

17-  Dispositivos wearables

18- Clínica de saúde integrada

19- Grupos de caminhada/corrida/corrida/ciclismo

20- Aulas de ginástica on-line ao vivo. 

O professor Paulo Costa Amaral, Ph.D., MBA, M.Sc., responsável pela pesquisa no Brasil, relatou três principais conclusões para a pesquisa de tendências de fitness de 2022 no país, que incluem o seguinte:

  • O treinamento pessoal (n.º 1) subiu três posições em relação à pesquisa do ano passado, quando não era. 4. Isto pode ter ocorrido devido à pandemia onde os personal trainers continuam a orientar os clientes no treino físico, mesmo que seja o treino online (n.º 3).
  • No Brasil, a prática de exercícios para emagrecer continua sendo uma das principais tendências (nº 2).
  • Os programas de recuperação pós-COVID são destacados no nº. 4, que é uma classificação mais alta do que qualquer outra região. Esta especialização dos profissionais é essencial para atender a população que foi infectada pelo COVID e a correspondente necessidade de reabilitação.

De acordo com a pesquisa, o principal desafio para os profissionais e a indústria do fitness no Brasil foi a adaptação aos serviços online. Culturalmente, os brasileiros preferem o atendimento presencial, e a maioria dos profissionais não estava preparada para prestar serviços online. Consequentemente, o desenvolvimento de metodologias de formação foi um fator decisivo para que as pessoas se sentissem motivadas na prática da atividade em casa. A maioria das empresas que conseguiram se manter abertas foram aquelas que utilizaram as redes sociais para divulgar seus serviços. No início da pandemia do COVID-19, houve considerável resistência da maioria dos profissionais e praticantes ao uso da tecnologia na supervisão e prática de atividade física. À medida que a pandemia avançava, os brasileiros foram se adaptando. 

Para 2022, o atendimento online está crescendo no Brasil e agora se tornou uma parte mais comum da vida de muitos brasileiros como forma de promover a prática de atividade física, principalmente aqueles que não querem ir a uma academia ou centro de treinamento. 

Pontos a considerar

Fitness em casa:

Novidade nas tendências deste ano, as academias em casa surgiram como muito populares na Europa (nº 1), Estados Unidos (nº 2), Brasil (nº 10) e Austrália (nº 16). Para muitas das regiões, as academias em casa apareceram ao lado de tendências estabelecidas como dispositivos wearables e atividades ao ar livre. 

Os efeitos da pandemia influenciaram fortemente o setor de fitness, levando as pessoas a encontrar maneiras criativas de se manter em forma em suas academias em casa ou ao ar livre enquanto monitoram seu progresso com seus apple watch. Dado o risco aumentado de passar tempo em ambientes fechados, especialmente em meio a outras pessoas, não é surpresa que a população esteja indo em busca de exercícios ao ar livre e/ou dedicando tempo para investir em um espaço pessoal de ginástica em casa. Talvez uma questão maior seja se os entusiastas do fitness vão querer voltar às academias e, em caso afirmativo, quando? Com o fechamento das academias, pessoas em todo o mundo estão procurando meios alternativos de se exercitar diariamente. 

Profissionais de fitness certificados x entusiastas de fitness independentes

Os treinadores de fitness certificados podem ser mais importantes do que se pensava inicialmente ou a tecnologia online está eliminando gradualmente esses profissionais

Apesar do aumento das tendências de fitness impulsionadas pela tecnologia e exercícios autônomos autodirigidos, a maioria das regiões também testemunhou um reconhecimento igualmente forte da importância de profissionais de fitness registrados ou certificados. 

Embora pareçam contrastantes, as descobertas podem sugerir que, apesar do acesso limitado a profissionais durante a pandemia de COVID, ainda há vantagens em usufruir da expertise  dos profissionais certificados. 

Os dados disponíveis apoiam a ideia de que, na maioria das regiões, as pessoas valorizam algum tipo de “profissional” ou “treinador” para ajudar a orientar as jornadas de condicionamento físico. 

HIIT 

O treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) tem sido historicamente uma das tendências de fitness mais populares, permanecendo o n. 1 na pesquisa mundial de 2014 a 2018. 

No Brasil, o HIIT se apresenta como n.14 em 2022. No entanto, esse método de treinamento é muito utilizado como estratégia de emagrecimento, que está na como n.2 da lista.

Programas de condicionamento físico para idosos x crianças e adolescentes

Algumas regiões dão maior ênfase à aptidão física dos adultos mais velhos em comparação com a aptidão física das crianças e adolescentes. Essa descoberta é demonstrada por programas de condicionamento físico para idosos encontrados entre as vinte principais tendências para Austrália (nº 3), Brasil (nº 6), Espanha (nº 10), Estados Unidos (nº 11), Europa (nº 13) e México (nº 24).

Resultados

Os resultados da Pesquisa Mundial de Tendências de Fitness do ACSM orientam o setor de saúde e fitness na tomada de decisões críticas de programação, recursos e investimentos. Esses resultados não são apenas aplicáveis ​​a programas de condicionamento físico, clínicos, corporativos e comunitários em todo o mundo, mas também fornecem preferências regionais exclusivas.  E você, qual a sua preferência?

Aos profissionais que quiserem participar da pesquisa para as tendência fitness do brasileiro para 2023 , acesse: https://tendenciasdofitness.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também