Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil

Você moraria em Cabo do Escambo? Sabe onde fica Rio Teimoso? Já ouviu falar de Flume Sagaz? Conheça os nomes alternativos para as províncias do Japão em português do Brasil

Tchê, já pensou como se chamariam as províncias do Japão em português? O pessoal do site Sora News 24 publicou há algum tempo um mapa anglicizado do Japão, mostrando como seriam os nomes das 47 províncias caso o território pertencesse à Inglaterra (link para o post do Sora News no final do artigo).

Bueno, eu sempre brinquei com os nomes de cidades do Japão, pois eles dariam bons nomes de cidades do interior brasileiro ou mesmo de bairros das periferias do Rio e de São Paulo, como a cidade de Osaka (大阪), que seria Ladeirão ( – grande, – Ladeira) e quando a equipe do Todo Dia me desafiou a fazer uma versão dessa brincadeira em português do Brasil eu topei na hora (deu muito trabalho, mas adorei fazer).

O que trago aqui não é uma tradução do artigo do Sora News, mas sim uma versão, inspirada inicialmente no mapa publicado por eles e motivada pela velha amiga dos brasileiros, a zoeira. Alguns nomes eu me baseei na tradução, alguns na etimologia dos kanji e outros em fatores confusos e obtusos que contarei, ou não, ao longo do artigo.

Vou começar com os nomes das quatro ilhas principais que formam o Japão!

Ilhas do Arquipélago Japonês

Honshu

Honshu (本州 significa “província principal”), vamos chamar de Ilha Grande. Pensei em Ilha do Meio, mas Ilha Grande faz mais sentido.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 1

Kyushu

Kyushu (九州 significa “nove províncias”), passaremos a chamar de Ilhota das Nove Fazendas.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 2

Shikoku

Shikoku (四国 significa “quatro países”), será a Ilha dos Quatro Campos.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 3

Hokkaido

Hokkaido (北海道 significa “estrada marítima do norte”), mas essa tradução dá um nome bem meia boca. Então me aprofundei um pouco na pesquisa e descobri que antes, Hokkaido era conhecida formalmente como Ezochi (蝦夷地, “Terra dos Ezo”) ou Ezogashima (蝦夷ヶ島, “Ilha dos Ezo”). Assim, decidi que chamaríamos a segunda maior ilha do Japão por esse nome, Ilha dos Ezo!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 4

Mas Tchê, e Okinawa? Tu deves estar te perguntando. Okinawa não é considerada parte do arquipélago principal, na verdade a ilha é tipo o Rio Grande Do Sul em relação ao Brasil, faz parte do país politicamente mas “é um país diferente” em termos geográficos e culturais, tendo até um idioma próprio. Mesmo assim, darei aqui um nome:

Okinawa

Okinawa (沖縄県 significa “Corda à Beira-Mar” ou “Corda no Mar Aberto” – as duas traduções são aceitas), mas nós chamaríamos por um nome que faz referência ao Reino Ryukyu, em homenagem ao seu nome original, antes da anexação, 琉球王国 (Ryukyu Koku). O nome Ryūkyū se origina de escritos chineses. As primeiras referências a Ryūkyū escrevem o nome como 琉虬 e 流求 (leitura pinyin: Liúqiú; leitura Jyutping: Lau4kau4) no livro de história chinesa chamado “O Livro de Sui” em 607. É um nome descritivo, significando “dragão-chifre envidraçado”. Portanto, Okinawa Passará a se chamar Reino do Dragão.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 5

Agora, vamos aos nomes das províncias.

As 47 províncias do Japão em português

Aomori (青森)

Se chamaria Mato verde, o que é bastante simples. Um dos significados de (ao) é “verde” e (mori) significa “bosque / floresta”.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 6
Mascote por 笹パンダ師

Niigata (新潟)

Se tornaria Lagoa Nova, fácil e simples. O kanji (Nii) significa “novo” e (gata) significa “lagoa”, logo, Lagoa Nova é uma ótima escolha, o pessoal do Sul vai concordar.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 7

Tóquio (東京)

Se chamaria Nova Brasília, e eu vou te explicar o porquê. (to) significa “leste” é muito simples, e (kyo) significa “capital”, mas Capital do Leste não faria sentido para nós, brasileiros, então optei por Nova Brasília mesmo!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 8

Akita (秋田)

Passaríamos a chamar de Campo Da Tristeza. Pode não fazer sentido imediatamente se você souber ler em japonês. (Aki, não significa “outono”?) Não deveria ser “Campo de outono?” A resposta é que o “Aki” em Akita costumava ser escrito com um kanji diferente, neste caso , que significa “entediado / cansado / triste”. Não é de admirar que o povo que mora lá tenha mudado o nome!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 9

Shizuoka (静岡)

Se tornaria Serro do Desprezo, o que também pode ser confuso, já que (shizu) significa “quieto” e (oka) significa Colina. Não deveria ser “Serro do Silêncio?” Mas, novamente, a resposta é que Shizuoka costumava ser escrito de forma diferente, usando que significa “ultraje / pobreza / inferior”. A escolha da palavra “desprezo” é uma ótima opção para o nome da província em meu ver.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 10

Fukui (福井)

Ganharia o nome de Chafariz. Semelhante aos dois últimos, o (fuku) em “Fukui” moderno significa “fortuna / felicidade”, mas costumava ser escrito com que significa “protuberância / inchaço”. E (i) significa apenas “poço / furo de água”. Então, um poço que jorra água (chafariz) é uma boa tradução, não concorda, Tchê?

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 11

Hokkaido (北海道)

Seria conhecida como Terra dos Ezo, não confunda com a Ilha dos Ezo, que é o Território!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 12

Iwate (岩手)

Geralmente é traduzida literalmente (pedra e mão), ganhando a alcunha de “Mão de Pedra”, mas tu sabes que eu sempre vou mais fundo né? Pois bem, depois da pesquisa encontrei o nome perfeito: Pedra da Mão do Capeta! Deixa eu explicar: dizem que perto do templo Token-Ji, na cidade de Murioka, existem três grandes pedras que saem do solo, com uma corda gigante amarrada à ela. A população local chama as rochas de 御津石上 (Mitsu Ishi Gami) “Deus das três Pedras“.

Dizem que certa feita, um demônio chamado Rasetsu começou a atacar o vilarejo e as pessoas pediram ao Deus das três Pedras que as ajudasse e ele amarrou o demônio à pedra com uma corda gigante. O demônio implorou que fosse solto e disse que nunca mais atormentaria aquela região, o Deus das três Pedras pediu uma prova de que ele estava sendo honesto e ele marcou a pedra com suas mãos, e depois fugiu para nunca mais ser visto. Até hoje ainda se vê na pedra o que parecem duas marcas de mãos espalmadas, e por isso nós chamaríamos esse lugar de Pedra da Mão do Capeta! Bem mais legal que Mão de Pedra né.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 13

Yamagata (山形)

É outro exemplo de província que geralmente ganha um nome bem nhéé quando se traduz pro português (Formato de Montanha), mas achei um nome que faz jus ao lugar, Três Montanhas. Vamos à explicação, quando a região ainda era a antiga província de Dewa, o príncipe Hashiko instaurou os montes Haguro, Dassan e Yudono como (出羽三山Dewa Sanzan) – os três montes sagrados de Dewa – em tradução livre.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 14

Fukushima (福島)

Normalmente traduzido como Ilha da Boa Sorte, 福 – fuku (sorte) e – shima (ilha). Porém o primeiro kanji tem outros significados que dariam nomes mais legais. pode ter o significado de benção, logo, passaríamos a chamar Fukushima de Ilha dos Abençoados! Acho que os moradores de lá não seriam muito amigos dos Mão-Capetenses (moradores de Pedra da Mão do Capeta).

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 15

Ibaraki (茨城)

Outro nome bem sem sentido para um estado quando traduzido, Castelo de Espinho. Mas claro que nós daremos um nome melhor. Os kanji que formam o nome da província não nos dão muita opção, – ibara (espinho ou espinheiro) e – jou [aqui lido como “ki”] (castelo) mas com um pouco de pesquisa, descobri que Ibaraki antes se chamava Hitachi no Kuni (常陸国 – Terra dos Comuns) e também era por vezes chamada de Jōshū (常州) – Província comum. Então, já que os kanji não ajudam muito, vamos simplificar a coisa, Ibaraki será agora conhecida apenas como Comarca.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 16

Tochigi (栃木)

Em muitas publicações, o nome desta província estará traduzido como Castanha da Índia ou Castanheiro da Índia (tradução literal de Tochi no Ki – Tochigi). Apesar de eu gostar de nomes de árvores, não acho que esse é um bom nome para um estado brasileiro, então, como sempre, aprofundei um pouco a pesquisa e descobri que a província de Tochigi antes se chamava 下野Shimotsuke (na verdade 下野国Shimotsuke-no kuni), e seu nome abreviado era Yashū (野州). Pois bem, 下野国 quer dizer Terra dos Campos Baixos enquanto quer dizer Província dos Campos. E assim temos uma excelente opção de nome em Português do Brasil, Tochigi seria chamada de Campos Baixos!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 17

Gunma (群馬)

Talvez por minha origem, talvez pelo amor que cultivo pelo Rio Grande do Sul, Gunma tem uma das traduções de nome que mais me agrada entre todas as províncias do Japão em português, Cavalhada ( – grupo e – cavalo). Assim sendo, se Gunma pertencesse às terras tupiniquins, chama-la-íamos de Cavalhada!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 18

Miyagi (宮城)

Com traduções bem meia boca em muitos artigos pela internet, Miyagi representou um desafio na hora de encontrar um nome em português do Brasil. Traduzido como Castelo Miya ou por vezes como Templo Castelo, o nome não faz jus à província ou a sua importância. O território era parte integrante da antiga província de Mutsu, e o nome Miyagi (Castelo Palácio) foi adotado no século 8. A província era de vital importância na tarefa de manter sob controle a tribo dos 蝦夷Emishi (também conhecidos como Ebisu) na região de Tōhoku. Em nosso mapa, chamaremos a província de Fortaleza do Norte!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 19

Saitama (埼玉)

Traduzida muitas vezes como Bola de Ponta (mas hein?), a província de Saitama também merece um nome melhor, concorda? Pois bem, de acordo com os japoneses, o nome significa “a área sobre o Rio Tama”, porém a leitura dos kanji que formam o nome nos dão outras sugestões, – saki (cabo, espeta, promontório) e – tama (Joia, esfera, bola, gota), assim sendo, chamaremos Saitama de Cabo das Joias.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 20

Chiba (千葉)

Chiba é tão amorzinho, que facilita até meu trabalho de achar um nome. Os kanji que formam o nome da província são – chi (mil) e – ba (folhas), e por isso sempre encontramos a tradução literal “Mil Folhas” em artigos sobre os nomes das províncias. Mas acho que uma palavra só dá o mesmo sentido e fica um nome muito mais atrativo: Milifolha (e se tu achas que essa palavra não existe, nunca conversou com um Gaúcho velho!)

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 21

Kanagawa (神奈川)

Já encontrei Kanagawa traduzido como Rio do Deus da Maçã – é o quê? Bueno, 神奈川 significa “rio do divino”, 神 – kami (deus, mente, alma, divindade 奈 – na (mas, como?, macieira {em chinês}) 川 – kawa (rio, arroio), mas se formos mais criativos podemos (e vamos) nomear a província de Kanagawa como Rio das Almas.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 22

Toyama (富山)

Outra província que facilita o trabalho do tradutor, Toyama (富山) quer dizer Montanha da Riqueza, mas esse nome não me agrada muito, então usarei uma outra opção que o kanji “ – to” me oferece, abundância. E assim, chamaremos Toyama de Monte da Abundância.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 23

Ishikawa (石川)

Outra província que tem um nome fácil de traduzir e que dá apelo em português, 石川 – Ishikawa significa Rio de Pedra. Para abrasileirar um pouco, chamaremos de Rio das Pedras.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 24

Yamanashi (山梨)

A origem do nome de Yamanashi é tão legal que nem dá pra pensar em mudar o nome da província, sendo esta uma das que manteremos com a tradução literal, Monte das Peras.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 25

Nagano (長野)

Geralmente traduzida com a opção mais fácil, Campo Comprido, – naga (longo/comprido) e – no (campo), esta província é mais um exemplo de tradução que não dá pra mudar. A província é uma longa planície cercada de montanhas. Mas dá pra manter o sentido e escolher palavras melhores, e assim, temos a Planície Fraldosa.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 26

Gifu (岐阜)

Aqui precisamos respeitar a história. Gifu foi nomeada por Oda Nobunaga em 1567, após ter conquistado a região e feito do castelo de Gifu sua residência e quartel general. O nome é composto por dois kanji, e deriva de um antigo poema chinês. O primeiro vem de Qishan (岐山), uma lendária montanha e capital do Império Zhou, de onde se iniciou boa parte da unificação da China, enquanto o segundo vem de  Qufu (曲阜), terra natal de Confúcio. Nobunaga escolheu essa combinação de kanji, porque queria mostrar que era um grande sábio e sobretudo porque queria unificar todo o Japão. Gifu (岐阜) pode ser traduzida como “Colina Divergente” ou “Estrada Bifurcada”, mas nenhum destes nomes traduz o que Nobunaga queria quando escolheu esse nome. Portanto, chamaremos a província de Colina da União, que faz mais sentido.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 27

Aichi (愛知)

A província com mais brasileiros no Japão, Aichi-ken (愛 知 県) significa “sabedoria do amor”. No terceiro volume do Man’yōshū (coletânea de poemas japoneses do estilo Waka) há um poema de Takechi Kurohito que diz: “O grito da garça, chamando Sakurada; parece a maré, escoando das planícies de Ayuchi, ouvindo o grito da garça”. Ayuchi é a forma original do nome Aichi, e a planície de maré Fujimae, agora uma área protegida, é tudo o que resta do antigo Ayuchi-gata. Tornou-se Aichi (愛 知) → sabedoria do amor. Mas como vamos chamá-la? Fácil, Delta do Amor. A planície de maré Fujimae é composta pelo delta do Rio Nikko (日光川), daí tirei o nome!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 28

Mie (三重)

Diz-se que a província ganhou este nome à partir de um comentário do príncipe Yamato Takeru em seu retorno da conquista das regiões orientais, no século 8. O príncipe teria dito “minhas pernas doem como mochi triplo”. 三重 significa triplo, triplicado, dobrado três vezes. Como a história não pode ser confirmada e nem é muito aceita entre os japoneses, não nos apegaremos à ela. Usando os kanji de Triplo como referência principal e lembrando que é em Mie que fica a foz do 木曽三川 – Kiso Sansen (Três Rios Kiso), formada pelos rios Nagara, Kiso e Ibi, chamaremos a província de Três Rios.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 29

Shiga (滋賀)

Traduzido por vezes como “Coberto de Celebrações” ou “Celebração Múltipla” (por causa do significado individual dos kanji), a província herdou o nome do antigo distrito de Shiga, mas há uma história de que o nome vem do fato de haver muitas pedras nas proximidades do lago Biwa – Ishi ga aru tokoro – encurtado para Shiga (não creio muito na veracidade disso). Como Shiga é o lar do maior lago de água doce do Japão, o Biwa, e o lago recebe por muitas vezes na literatura clássica japonesa o nome de 鳰の海Nio no Umi, ou seja, Mar da Fênix, chamaremos a província de Ninho da Fênix.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 30

Kyoto (京都)

Formado pelos kanji kyou (capital) e to (metrópole), a antiga capital do Japão, antes da restauração Meiji, era conhecida como 山城国Yamashiro no Kuni (Terra da Montanha Castelo), e receberá a alcunha de Monte Castelo, em homenagem à este antigo nome.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 31

Osaka (大阪)

Uma de minhas traduções favoritas para cidades e províncias japonesas, foi também uma das primeiras, senão a primeira que fiz. – oo (grande) saka (Colina, Ladeira), logo, chamamos esta província de Ladeirão.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 32

Hyogo (兵庫)

Se traduzirmos os kanji separadamente, chegaremos ao nome Soldado do Armazém, hyou (soldado) e ko (armazém). Mas hyou também pode ser interpretado como tropa ou exército enquanto ko oferece a tradução de depósito ou entreposto. Desta forma, podemos chamar a província Entreposto Sul.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 33

Nara (奈良)

Como vimos lá na tradução de Kanagawa, o kanji – na pode significar mas, como?, ou macieira (em chinês), e o ryou (lido aqui como ra) pode significar bom, agradável, hábil. Por isso, muitas vezes se encontra o nome desta província traduzido como “Boa Maçã. A província já foi chamada de Yamato (大和), tendo seu nome formato pelos kanji oo (grande) e wa (paz, harmonia) e isso me basta para que a chamemos de Concórdia.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 34

Wakayama (和歌山)

Eu já mencionei que adoro quando os kanji me dão boas opções de tradução, que ficam bonitos e não perdem o sentido original? Wakayama tem seu nome formado por três kanji, wa (paz, harmonia) uta (cantar, canção) e yama (montanha). Assim, podemos dar à esta província o nome de Morro da Serenidade, pois só com serenidade se faz música de paz e harmonia!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 35

Tottori (鳥取)

Tendo seu nome formado por dois kanji, tori (pássaro) e to (pegar, trazer, recolher), diz-se que o nome vem do fato de que os moradores locais tinham como principal fonte de renda a captura e venda de cisnes que habitavam a região. Levando em conta esta informação e tentando manter o significado, esta província passa a ser chamada em português de Arapuca.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 36

Shimane (島根)

Em tempos muito antigos, a península de Shimane era uma ilha separada, cuja montanha foi miticamente puxada do mar com uma corda. Acredita-se que 島の上に峰Shima no ue ni mine (Cume do topo da Ilha) tornou-se 島根Shimane (país insular) – ( – mine = pico, cume). O nome que daremos para a segunda menos populosa das províncias do Japão em português é Ilha do Apogeu.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 37

Okayama (岡山)

Por vezes traduzido como “Encosta da Montanha”, o nome Okayama é formado pelos kanji – oka (encosta, colina) e Yama (montanha). Quem diria que poderíamos chamar uma das províncias do Japão em português de Atalaia.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 38

Hiroshima (広島)

Geralmente traduzido como Ilha Grande, o nome desta província é formado por dois kanji, hiro (largo, espaçoso) e shima (ilha). Mudaremos o nome desta que é uma das mais famosas províncias do Japão em português para Ilha Vasta.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 39

Yamaguchi (山口)

Sendo constituído por dois kanji, yama (montanha) e kuchi (boca, entrada, abertura), é comum encontrarmos o nome desta província traduzido como Boca da Montanha. Mas creio fortemente que o sentido correto seria Entrada da Montanha, uma vez que se refere à entrada do Monte Higashi-Hoben. Usaremos uma palavra pouco conhecida da língua portuguesa, que designa uma entrada na montanha, Socairo.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 40

Tokushima (徳島)

Dizem que em 1585, Hachisuka Emassa, daimyō de Tokushima, construiu seu castelo em uma ilha do delta e queria um nome de sorte, escolhendo então 徳島tokushima. Os kanji que formam o nome da província são toku (benevolência, virtude, bondade) e shima (ilha), assim sendo, a tradução geralmente usada é também a que adotaremos, Ilha Virtuosa!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 41

Kagawa (香川)

Esta província é banhada pelo Rio Doki (土器川 Dokigawa), o qual é margeado por muitas flores perfumadas, diz-se que é daí que vem o nome, uma vez que os kanji que formam o nome da província são ka (incenso) e kawa (rio). Geralmente traduzido literalmente, “Rio de Incensos”, vamos adotar um nome mais atraente e delicado para a menor das províncias do Japão em português, Rio das Flores.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 42

Ehime (愛媛)

Geralmente traduzido como “Princesa do Amor”, o nome Ehime vem do 古事記Kojiki (Uma antiga crônica de lendas, mitos, canções e tradições orais da Terra do Sol Nascente), quando Izanagi e Izanami-no-Mikoto criaram a ilha de Shikoku como a deusa Iyo, e significa “bela donzela” (愛媛). Adotaremos portanto um nome que faz referência ao mito e também à tradução dos kanji, ai– aqui lido como e (amor, afeição) e hime (mulher bela, princesa). Depois de alguma consideração e levando também em consideração a localização geográfica da província, cheguei à conclusão que Princesinha do Sul é como a chamaremos.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 43

Kochi (高知)

Kochi se chamava originalmente 川中島Kawanakajima (Ilha no Meio do Rio) e, desde então, teve seu nome alterado duas vezes; um monge recomendou o nome 川知Kawachi (algo como “Rio da Sabedoria), depois esse nome se tornou 高知Kōchi (grande sabedoria). A província é a terra natal de Sakamoto Ryoma e em sua época era conhecida como 土佐Tosa. Não foi tarefa fácil encontrar um bom nome para uma província tão importante na história do Japão. Chamá-la-emos de Flume Sagaz.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 44

Fukuoka (福岡)

Se fizermos o simples e traduzirmos os kanji em separado, teremos fuku (benção, boa sorte, fortuna, riqueza) e oka (colina, monte, cume). Além disso, após a Batalha de Sekigahara em 1600, Kuroda Nagamasa veio de Okayama e construiu um castelo com o nome de um santuário em sua cidade natal, 福岡Fukuoka (Colina da Boa Sorte). Podemos então chamar a província de Monte da Graça.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 45

Saga (佐賀)

Se nos basearmos apenas no significado individual dos kanji, teremos uma tradução bem ruim para um nome de província, sa (apoio, ajuda, assistência, assistente) e ga (celebração, felicitação, prazer). A maioria das publicações e artigos em português traduz este nome como “Celebração de Apoio” mas nós a chamaremos de outra forma. Há na província um rio chamado Sakagawa, que reverte seu fluxo durante a maré alta, ou seja, um rio que “teima” em voltar ao invés de ir pro mar, assim, o nome da província será Rio Teimoso.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 46

Nagasaki (長崎)

Algumas publicações dizem que o nome da mais cristianizada das províncias japonesas era Fukai e foi mudado para homenagear Nagasaki Kōtarō, um notável habitante, mas não encontrei nenhum registro disso em fontes oficiais. O nome 長崎Nagasaki, quer dizer Cabo Longo, referindo-se à formação geográfica da província, naga (longo, extenso, ambicionar, chefe, líder) e saki (cabo, ponta, promontório). A província era, por sua localização, um tradicional centro de piratas e comerciantes. Chamaremos a província portanto de Cabo do Escambo.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 47

Kumamoto (熊本)

Traduzindo individualmente os kanji do nome desta província, chegamos ao nome “Livro do Urso”, kuma (urso) e – hon – aqui lido como moto (livro). É importante lembrarmos porém, que este segundo kanji significa origem, o significado do nome é portanto “Origem do Urso”. Mas o mais interessante é que não há registros de ursos no local. Como Kumamoto tem um dos mascotes mais simpáticos entre todas as províncias, manteremos a referência ao urso, mas mudaremos o nome para Berço do Urso.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 48

Oita (大分)

As origens do nome 大分Ōita estão documentadas em um relatório do início do século 8 chamado Crônicas de Bungo (豊後国風土記bungonokunifudoki). De acordo com o documento, no primeiro século, o Imperador Keikō visitou Kyushu e viu a primeira safra de arroz no Japão, exclamando ‘Esta é uma vasta terra, de fato. Ela será conhecida como Okita-Kuni! ‘, Que significa “Terra dos Grandes Campos”, mais tarde veio a ser escrito como “” 大分Ōita (seção grande). As interpretações atuais baseadas na topografia de Ōita, bem como no Nihonshoki (o segundo mais o antigo livro de história do Japão), afirmam que o nome de Oita vem de “Okita“, que significa “muitos campos”, em vez de campo “vasto” ou “grande”, devido ao terreno complexo de Ōita. Por esse motivo, chamaremos a província de Campos!

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 49

Miyazaki (宮崎)

Mais uma vez, a tradução dos kanji individualmente sugere um bom nome, Palácio do Cabo, miya (templo, palácio) e saki (cabo, ponta, promontório). Mas sempre podemos melhorar não é mesmo? Antes da restauração Meiji, a província se chamava 日向Hyuga (lugar ensolarado). Então chamaremos Miyazaki de Ponta Fulgente.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 50

Kagoshima (鹿児島)

Tchê, ser tradutor às vezes é complicado. Se traduzirmos o nome desta província ao pé da letra, teremos a “Ilha dos Veadinhos”, 鹿ka (veado, cervo), ko (criança, filhote) e shima (ilha). Pra manter o significado e por saber que ninguém vai tirar sarro do nome, manteremos assim, Kagoshima será a Ilha dos Veadinhos.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 51

Okinawa (沖縄)

Lá no começo do artigo, eu dei um nome para o território de Okinawa, Reino do Dragão. Esse é o nome daquela que mais amo entre todas as províncias do Japão, Reino do Dragão.

Como se chamariam as 47 províncias do Japão em português do Brasil 52

Considerações finais

Este artigo não tem a intenção de ser fonte fidedigna de tradução para os nomes das províncias do Japão em português. O que fiz aqui foi uma brincadeira, imaginando como chamaríamos em nossa língua mãe as províncias da Terra do Sol Nascente. Sinta-se à vontade para compartilhar e comentar, aproveite para dizer como se chamariam os moradores de cada uma das províncias do Japão em português, baseado nos nomes que criei!

Um forte quebra-costela, e até a próxima!

Takara Stefens é Gaúcho de nascimento, alma e coração, cidadão do mundo por opção. É pai, professor, escritor, vegano desde 2020 e amante da vida e de tudo que é belo.

Veja o perfil completo de Takara Stefens