Salário mínimo no Japão: como a pandemia afetou o reajuste em 2020?

Descubra como a pandemia afetou o reajuste anual do salário mínimo no Japão neste ano

Salário mínimo no Japão: como a pandemia afetou o reajuste em 2020?

O Mainichi Shimbun respondeu a algumas perguntas comuns sobre o salário mínimo no Japão e os efeitos da pandemia COVID-19 sobre ele.

Qual é o salário mínimo no Japão?

O salário mínimo no Japão é reajustado anualmente em cada província, e uma empresa será multada se o violar. O maior salário mínimo do país é o de Tóquio, que paga 1.013 ienes, enquanto o menor é de 792 ienes, das províncias de Akita e Okinawa. 

O salário mínimo médio no Japão – calculado multiplicando o pagamento mínimo de cada província pelo número de trabalhadores na área, somando todos e dividindo pelo número combinado de trabalhadores do país – é de 902 ienes.

salário

Como o salário mínimo do Japão é decidido?

No final de julho de cada ano, o Conselho Central de Salários Mínimos tripartido do Ministério da Saúde, Trabalho e Previdência, composto pelos respectivos representantes do trabalho e da administração, bem como especialistas de uma posição neutra, decide sobre um valor aproximado de quanto será o mínimo que o salário deve ser aumentado. 

A partir dessa cifra, cada conselho municipal decide seu salário mínimo com base nas despesas de subsistência na área e na capacidade de pagamento das empresas, entre outros fatores. O valor do reajuste do salário mínimo entra em vigor por volta de outubro.

O salário aumenta todos os anos?

Nos últimos anos, o governo japonês tem fortalecido seus esforços de intervenção no salário mínimo para estimular a economia. Em 2015, o então primeiro-ministro Shinzo Abe anunciou a meta de aumentar o salário mínimo para 1.000 ienes por hora, e todos os anos entre 2016 e 2019, o salário mínimo médio ponderado foi aumentado em pelo menos 3%, ou entre 21 e 29 ienes. Em 2020, no entanto, o salário mínimo médio foi aumentado em apenas 0,1%, ou 1 iene.

salário

Qual a relação entre a pandemia de coronavírus e o baixo reajuste de 2020?

O desempenho empresarial, principalmente entre as pequenas e médias empresas e as pequenas empresas, piorou, e os representantes da administração no conselho central resistiram ao aumento do salário mínimo. Como resultado, o conselho tomou uma decisão incomum de não apresentar uma indicação aproximada para um aumento, levando a aumentos nominais de 1 a 3 ienes em 40 conselhos provinciais das 47 províncias.

Quais são as principais questões de conflito entre trabalho e gestão?

Os trabalhadores argumentam que os salários no Japão são significativamente menores entre as economias desenvolvidas. Os empresários afirmam que não seriam capazes de garantir os empregos se o salário mínimo fosse aumentado.

salário

Deixe uma resposta

Leia mais posts relacionados