10 coisas para fazer de graça em Tóquio

10 coisas para fazer de graça em Tóquio

Tóquio é conhecida como uma das cidades mais caras do mundo. Por isso muitos viajantes acabam tirando a capital do Japão de sua lista de prioridades. Se você está se preparando para visitá-la e pretende gastar pouco, vai se surpreender com quanta coisa grátis tem para fazer.

Desde a primeira vez que visitei Tóquio eu fiquei apaixonada.

A única coisa que não gostei foi que o dinheiro vai embora rápido demais. Tóquio é uma cidade moderna, tecnológica, dinâmica e criativa, que oferece muitas oportunidades de diversão, compras, entretenimento e passeios. É fácil demais estourar o orçamento da viagem.

Felizmente, existem muitas coisas que você pode fazer sem gastar absolutamente nada. Pra te ajudar a visitar Tóquio sem passar dos limites financeiros, reuni algumas das melhores coisas gratuitas para fazer.

O frio está se aproximando cada vez mais, pois estamos em meados do outono nesse momento, então os famosos piqueniques ficarão para um próximo artigo. Se houver algo que eu tenha esquecido, compartilhe comigo nos comentários.

1) Arte Pública pela cidade

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 1
Foto por *_* / CC BY 2.0

Andar pelas ruas e praças é uma experiência artística sem igual, pois elas estão repletas de obras de arte públicas. Alguns exemplos são a Maman (MAPA), uma grande escultura de aranha em Roppongi Hills, região bem conhecida por suas exposições ao ar livre, e o Relógio Ghibli (MAPA), que fica ao lado de fora do prédio da Nihon TV.

O relógio foi desenhado por Hayao Miyazaki, o renomado diretor e co-fundador do Studio Ghibli, e embora não apareça em nenhum filme em particular, é possível perceber a estética punk do Howl’s Moving Castle (O Castelo Andante), de 2004. Todos os dias o relógio entra em ação girando suas engrenagens e tocando música às 12h, 15h, 18h e 20h. Há um toque extra aos sábados e domingos às 10h.

Além destas e muitas outras obras de arte, as estações de trem costumam exibir painéis ou esculturas belíssimos. Vale a pena ficar atento enquanto aguarda o trem para seu próximo destino.

2) Matsuris (festivais)

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 2
Foto por nakashi / CC BY-SA 2.0 

Matsuris são festivais tradicionais que ocorrem em diversas localidades do Japão e em qualquer época do ano. Quase todo santuário celebra o seu próprio festival. As celebrações variam de tamanho, podem ser pequenas ou grandes, dependendo da região ou da época do ano. A entrada é gratuita, acontece nas ruas, e muitas vezes Os Matsuris são acompanhados por barraquinhas de comidas típicas, lembrancinhas, música e dança.

>> Confira AQUI a programação mês a mês.

3) Assista a uma luta de Sumô

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 3
Foto por Goki / CC BY-SA 3.0

Algumas instalações de treinamento de sumô em Tóquio permitem que os visitantes assistam aos lutadores durante suas sessões de treinos que ocorrem pela manhã. Como pode ficar muito lotado, é recomendável chegar o mais cedo possível. É uma experiência que você só pode desfrutar no Japão.

E além disso, você pode aprender sobre a história dessa luta peculiar entre homens extremamente fortes que tentam jogar o seu oponente para fora de um ringue circular, ou tocar o solo com qualquer parte do corpo que não as solas dos pés.

Um museu localizado no estádio de sumô Ryogoku Kokugikan (MAPA) possui uma exposição permanente e é um verdadeiro tesouro de xilogravuras e objetos relacionados ao sumô. (em reforma até janeiro de 2020)

>> Musashigawa Beya (MAPA) (recebe turistas estrangeiros)

4) Visite o Jardim do Palácio Imperial

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 4
Foto por UnorthodoxY / CC BY-SA 2.0

Grande parte da área do Palácio Imperial não está disponível ao público, mas você pode visitar o East Garden gratuitamente. Este belo jardim está cheio de artefatos históricos e levará você a uma pequena viagem no tempo. É recomendável chegar ao jardim antes do meio dia, para ter tempo suficiente de aproveitar toda a área. Fique atento aos horários de fechamento dos portões que, dependendo da época do ano pode ser 16:00 ou 17:00h.

>> Jardim do Palácio Imperial de Tóquio (MAPA)

5) Meiji Jingu, Yoyogi e Harajuku

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 5
Foto por Stéfan / CC BY-SA 2.0

O Santuário Meiji (MAPA) é um dos locais mais visitados de Tóquio e fica a uma curta caminhada da Estação Harajuku ou da Estação Yoyogi, na Linha Yamanote. Construído em 1920 em homenagem ao Imperador Meiji (1852-1912), sob cujo reinado o Japão passou por grandes transformações políticas, econômicas e sociais e se tornou um estado moderno.

Ao lado do Santuário está o Parque Yoyogi que inclui o local das Olimpíadas de 1964. O Estádio Nacional Yoyogi de Kenzo Tange (MAPA), foi construído para esses Jogos e ainda é um marco em Tóquio.

Do outro lado da estação fica a área comercial de Harajuku (MAPA) – o melhor local de Tóquio para conhecer a cultura pop japonesa. É um verdadeiro paraíso para cosplayers, curiosos pela moda de rua e pela cultura Kawaii, a cultura da fofura com inúmeras lojas que vendem todo tipo de objetos delicados e fofinhos para decoração, papelaria, roupas, maquiagem e acessórios para compor um visual kawaii.

Se você quiser gastar um pouco, vale a pena experimentar delícias singulares como o sorvete de algodão doce ou os famosos crepes japoneses.

6) Região de Asakusa

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 6
Foto por Leng Cheng / CC BY 2.0

Comece o passeio pelo Centro de Informações Turísticas e Culturais de Asakusa (MAPA), que tem serviços em inglês, japonês, chinês e coreano. Este edifício projetado por Kengo Kuma possui um deck de observação no 8º andar com vistas impressionantes de Asakusa e Tokyo Skytree.

A rua comercial mais antiga do Japão, Nakamise-dori, levará você até o Templo Sensoji (MAPA), um templo budista com uma história que remonta mais de 1300 anos. Há muitos petiscos e presentes tradicionais que dificilmente encontrará em qualquer outro lugar.

7) Ginza e Omotesando

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 7
Foto por JordyMeow / CC BY 3.0

Ginza é conhecida principalmente por sua rua comercial de alta classe, inspirada na Londons Oxford Street. Observar as vitrines é uma maneira muito popular de desfrutar a região.

É fato menos conhecido que há uma variedade de galerias gratuitas que você pode visitar em Ginza. A arte tradicional japonesa na Galeria Shukado (MAPA) e a arte botânica na Galeria Shibata Etsuko (MAPA) são apenas dois exemplos das belas obras de arte em exibição.

Também em Ginza há a Galeria Shiseido (MAPA), que é mais uma grande obra de arte do que uma galeria comercial. Apresenta importantes shows de artistas japoneses e internacionais contemporâneos e shows relacionados à moda.

Nessa mesma linha de moda, beleza e elegância, é possível visitar o Espace Louis Vuitton Tóquio (MAPA), localizado no centro de Omotesando, a área considerada a mais bonita de Tóquio, onde surgem muitas tendências e movimentos culturais. Incorporando a paixão compartilhada da Louis Vuitton e do Japão pela criatividade. O Espace Louis Vuitton Tokyo, projetado pelo arquiteto japonês Jun Aoki, possui uma arquitetura visualmente estimulante que incentiva a criação de novas obras de arte contemporâneas.

8) Tecnologia, mangás e jogos

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 8
Foto por Tim Gage / CC BY-SA 2.0

Akihabara (MAPA)

Essa região é conhecida principalmente por sua cultura de mangá, anime e otaku, mas também é o lugar para procurar eletrônicos novos e usados de boa qualidade e os últimos lançamentos em tecnologia.

De fato, você pode encontrar aqui invenções que não pode experimentar em nenhum outro lugar do mundo. Akihabara tem quase tantas lojas eletrônicas quanto lojas relacionadas a mangás. Muitos dos eletrônicos em exibição podem ser testados gratuitamente. Se você gosta de tecnologia, poderá se divertir por horas em Akihabara sem comprar nada.

Tóquio Joypolis (MAPA)

Este parque de diversões coberto de Odaiba está repleto das atrações de realidade virtual da Sega, são três andares inteiros e vinte atrações emocionantes com instruções bilíngues disponíveis para cada jogo.

Apresente a prova de sua data de nascimento ao chegar e você ganhará o ingresso para passeios ilimitados. Se já passou o dia exato mas ainda está no mês do seu aniversário, apresente um documento que há um bom desconto! Para as crianças aniversariantes, pode ter mais brindes surpresa!

Museu de Animação de Suginami (MAPA)

No Museu de Animação de Suginami você pode aprender tudo sobre filmes de animação. Das pranchetas clássicas aos mais novos métodos de animação, tudo pode ser encontrado neste museu. Você mesmo pode criar, dublar e dirigir seu próprio filme de animação! O museu também possui uma biblioteca repleta de DVDs e quadrinhos que os fãs podem desfrutar, além de um teatro de anime.

9) Observatórios:

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 9
Foto por S.R.G – msucoo93 / CC BY-NC-SA 2.0

Torre de Obervação Carrot (MAPA)

A Torre Carrot é um edifício comercial localizado em Setagaya, e seu 26º andar abriga um observatório gratuito. A partir deste observatório, você pode apreciar a vista sobre Tóquio. Em um dia claro, você pode ver a Torre de Tóquio e o Monte Fuji.

É um ótimo lugar para desfrutar a belíssima vista para a Bay Bridge, enquanto relaxa em um dos confortáveis sofás. Você terá que encontrar algo no restaurante para usufruir da vista para Shinjuku, Skytree e Odaiba, mas a seção gratuita é impressionante o suficiente.

Observatório do Edifício do Governo de Tóquio (MAPA)

O governo metropolitano de Tóquio tem duas torres e existem observatórios em ambas. Eles oferecem uma excelente vista geral da cidade, e podem ser visitados gratuitamente.

Além disso, eles estão abertos até depois das 21:00, o que os torna um destino popular para apreciar a vista da cidade à noite. Este é um lugar em Tóquio que você não deve perder!

As vistas são previsivelmente espetaculares, há um restaurante e um parque infantil lá em cima também. Muito popular ao pôr do sol, quando os dias claros oferecem boas vistas do Monte Fuji, os decks de observação também servem lanches.

Observatório Astronômico Nacional do Japão (MAPA)

Além dos programas do planetário, são realizados eventos de observação de estrelas, que podem ser assistidos gratuitamente. Muitas instalações do campus são abertas ao público e não exigem taxa de admissão. Necessário fazer reserva. Site (…)

Prefeitura de Bunkyo (MAPA)

Um lounge no 25º andar oferece uma excelente vista da Tokyo Skytree, Shinjuku e até do Monte Fuji e das Montanhas Chichibu. O panorama de 330 graus é especialmente espetacular à noite, quando as janelas não refletivas realmente fazem a diferença.

Torre Funabori (MAPA)

Situada a 115 metros acima do nível do solo, a sala de observação desta instituição multiuso ao lado da Estação Funabori é uma visita obrigatória. As vistas de 360 graus da cidade podem ser apreciadas até 21h30, permitindo algumas oportunidades fotográficas bastante espetaculares

10) Museus

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 10
Foto por jmsmytaste / CC BY-NC-SA 2.0

Museu Omatsuri – Celebrando os Festivais do Japão (MAPA)

O Museu Omatsuri está localizado em Asakusa, assim como o Museu Edo Shitamachi. Esta instalação possui exibições divertidas que contam a história dos festivais japoneses desde a época Edo até os dias modernos.
Vários tipos de artefatos do festival, como roupas e saquê especial, também estão em exibição, e você poderá vê-los de perto e em detalhes, algo que você não seria capaz de fazer em um festival real.

Museu da Publicidade de Tóquio (MAPA)

Se você visitar o Japão, certamente perceberá que os anúncios são muito diferentes dos de outros países. Eles são altos, alegres e coloridos. O Museu da Publicidade é uma instalação especializada em exibir todos os tipos de anúncios.

Você pode ver até mesmo memorabilia de anúncios em exibição que datam da era Edo! No entanto, se você é um fã dos anúncios contemporâneos altos e coloridos, este museu também não os falta.

Museu Amuse (MAPA)

O Museu Amuse de Arte Ukiyo-e e Cultura Têxtil é o único em Asakusa dedicado a roupas e arte folclórica. Os destaques desta instalação são as exibições de roupas tradicionais do passado. Você pode ver como certas roupas e tecidos eram usados ​​na vida cotidiana no passado e até descobrir algumas coisas curiosas, como botas de salmão! O Amuse também abriga uma das maiores lojas de lembranças tradicionais de Asakusa.

Bônus 1: Concertos no Suntory Hall

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 11
Foto por Wpcpey / CC BY-SA 4.0

O Suntory Hall é um complexo de salas de concertos que serve de palco para solistas e orquestras de todo o mundo. Localizado no complexo de Ark Hills, no distrito de Akasaka, norte de Minato. A construção começou no final dos anos 70 e foi inaugurada em outubro de 1986 como a primeira sala de concertos de Tóquio dedicada a concertos e recitais de orquestras ao vivo.

O grande maestro Herbert von Karajan uma vez descreveu o salão como “uma preciosa caixa de som”, graças à sua acústica extraordinária. Às quintas-feiras, durante o almoço, os amantes da música podem apreciar gratuitamente um recital de órgão que dura meia hora.

>> Suntory Hall (MAPA)

Bônus 2: Centro de Informações sobre Saquê

10 coisas para fazer de graça em Tóquio 12
Foto por Yusuke Kawasaki / CC BY 2.0

Também conhecido como Sake Plaza, o Centro de Informações sobre o Saquê disponibiliza informações sobre a tradicional bebida japonesa. Além de computadores que você pode usar para pesquisar marcas específicas, há também uma biblioteca com cerca de 6.000 livros sobre o assunto. Mas se você quiser pode deixar o estudo pra outra hora, e seguir direto para a área de degustação.

>> Centro de Informações sobre o Saquê (MAPA)

Jaqueline Kuriu é praticante de Kyudo, a arqueria tradicional japonesa, e estudante de japonês. Atualmente mora em Tóquio, mas nasceu em Curitiba, onde se formou em Educação Física pela UFPR. Trabalhou com dança e atividades culturais, e realizou palestras sobre arte, música, cultura e viagens.

Veja o perfil completo de Jaqueline Kuriu