Como o corpo elimina a gordura?

A gordura eliminada no emagrecimento é excretada durante a respiração.

Como o corpo elimina a gordura?
Yumi Saito Consultoria

Receba os posts por email assim que foram publicados

O interesse das pessoas pelo assunto emagrecimento é grande. Seja devido às questões de saúde ou estética. Muito se fala em emagrecer, mas para onde vai essa gordura? É excretada pelo suor? Pelas fezes e urina? Transforma-se em músculos?

De onde vem a gordura que queremos “perder”

O excesso de carboidratos ou proteínas provenientes da  dieta é convertido em triglicerídeos e armazenado nos adipócitos, que são células especializadas no armazenamento de lipídios no tecido adiposo. As  gorduras da alimentação não precisam de conversão e se em excesso também são armazenadas no tecido adiposo.

Pessoas que desejam perder peso mas preservando a massa muscular estão, bioquimicamente, tentando metabolizar os triglicerídeos armazenados em seus adipócitos. Os triglicerídeos são compostos formados por três átomos: carbono (C), hidrogênio (H) e oxigênio(O) . Então para perder gordura, é necessário liberar esses átomos da molécula de triglicerídeo.

O que acontece com a gordura?

A maior parte da gordura eliminada no emagrecimento é excretada na forma de dióxido de carbono (CO2), durante a respiração. Na falta da glicose, que é a nossa principal fonte de energia vinda dos carboidratos, a gordura acumulada é usada como energia pelo organismo. Para isso, ela é dividida em moléculas de oxigênio, hidrogênio e carbono. O oxigênio que respiramos é fundamental para que haja vários processos metabólicos para a produção de energia, que resulta em  dois subprodutos: o dióxido de carbono e água, que são liberados.  O CO2 é eliminado pelos pulmões, e a água que pode excretada na urina, fezes, suor e outros fluidos corporais.

Então é só respirar “mais”?

O simples ato de respirar com mais frequência não é capaz de causar perda de peso.  Para oxidar e eliminar o excesso de gordura há duas condições obrigatórias: a primeira é fazer lipólise , que é quebrar a gordura  armazenada no tecido adiposo e a segunda condição é  oxidar, ou seja , usar para produção de energia. É necessário “precisar de mais energia”.

Para que a lipólise aconteça  deve haver estímulo para a secreção de hormônios que estimulam a quebra de gordura, o que acontece em três situações: longos períodos em jejum, estresse e exercício físico. Para oxidar, usar a gordura de fato, apenas uma dessas três situações efetivamente aumenta o gasto de energia e a oxidação de gorduras, que é o exercício físico.

Sendo assim…

A maneira mais eficaz de queimar gordura continua a mesma: prática de exercícios físicos e alimentação adequada. Ambas alinhadas e de preferência sob a supervisão de profissionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também