Tecnologia da tocha olímpica vai garantir uma chama “eterna”

Uma empresa de equipamentos para atividades ao ar livre utilizou uma tecnologia projetada para suportar condições climáticas extremas, para evitar o constrangimento de ver a chama olímpica apagar durante o revezamento da tocha no Japão

Tecnologia da tocha olímpica vai garantir uma chama  “eterna”

A Shinfuji Burner Co., responsável pela chama e pelo processo de montagem final das tochas de revezamento, não tinha experiência anterior em tal empreendimento, mas foi comissionada por causa de seu sólido histórico no setor desde a sua fundação em 1978. A Shinfuji Burner produz fogões e lanternas para alpinistas que tentam conquistar o Monte Everest e outros picos.

A empresa criou a seção de combustão de 15 centímetros das tochas, que foram projetadas à imagem de uma flor de cerejeira para as Olimpíadas de Tóquio. Ela construiu mais de 100 modelos de maçaricos de amostra, antes de desenvolver um que permanecerá aceso mesmo quando exposto a ventos de 61,2 km/h ou com 50 milímetros de chuva por hora.

“Seria imperdoável que a chama se apagasse durante o revezamento da tocha”, disse Hiroshi Yamamoto, chefe do departamento de desenvolvimento da Shinfuji Burner. “Eu não podia me dar ao luxo de saborear o desafio e senti apenas pressão, mas achei o projeto muito gratificante”.

A principal característica da tocha é que ela usa dois tipos de fogo que parecem ser uma única chama. A tocha emite uma chama gerada apenas por gás que queima forte e impressionantemente, mas é vulnerável à chuva e ao vento. A outra chama tem uma cor azulada e é produzida pela combinação de gás e ar.

N52 - 26-02-2020
Foto: YOSHINORI DOI