Governo deve acabar com o Estado de Emergência em Tóquio no dia 21 de março

O governo japonês estendeu a declaração de emergência para Tóquio e de três províncias vizinhas no dia 5 de março por 14 dias, dizendo que os casos de COVID-19 não haviam caído o suficiente e que novas variantes mais infecciosas do coronavírus representavam uma ameaça

Governo deve acabar com o Estado de Emergência em Tóquio no dia 21 de março

O governo do Japão deve encerrar o Estado de Emergência em Tóquio e áreas próximas devido ao COVID-19, conforme programado para o dia 21 de março, informou o jornal Sankei. A decisão deve ocorrer em uma reunião com assessores no dia 18 de março.

O número de leitos de pacientes com COVID-19 está caindo gradualmente, o que é uma justificativa para encerrar o Estado de Emergência conforme programado.

Restrições como redução do horário comercial para restaurantes e bares ajudaram a reduzir novos casos diários em Tóquio para cerca de um décimo de um pico de 2.520 no dia 7 de janeiro, mas o número de novas infecções em Tóquio tem aumentado nos últimos dias, levantando preocupações de que o Estado de Emergência pode ser estendido novamente.

No entanto, há um consenso crescente entre funcionários e conselheiros do governo de que mesmo se o Estado de Emergência for mantido, não levará a melhora no número de infecções, disse a fonte do jornal Sankei.
O Japão está tentando controlar os casos de coronavírus e iniciar as vacinações enquanto se prepara para sediar os Jogos Olímpicos de Verão, agora programados para começar no dia 23 de julho. O Japão registrou até agora 446.923 casos de coronavírus e 8.573 mortes.