Fãs se despedem do icônico prédio da Sega de Akihabara

Embora a Sega não tenha revelado o motivo do fechamento do Prédio 2 em Akihabara, muitos suspeitam que a pandemia pode ter sido o “prego final no caixão”, que provavelmente já estava lutando contra o fracasso da indústria de fliperamas

Fãs se despedem do icônico prédio da Sega de Akihabara

No mês passado, ficamos abalados com a notícia de que um dos fliperamas mais icônicos de Akihabara estaria fechando. A Sega Akihabara Building 2 arcade, localizada ao sul da estação, fechou suas portas definitivamente no final de agosto, após quase 17 anos no local. A forma angular incomum do prédio de vários andares e o fato de que ficava na esquina de um cruzamento movimentado, em frente à ponte Manseibashi tornavam-no um local privilegiado para enormes pôsteres promocionais.

Esses pôsteres, que ocupavam a lateral do prédio de frente para o rio Kandagawa, anunciavam colaborações de anime e novos lançamentos de videogame em uma escala tão gigante que o prédio frequentemente aparecia em fotos como um “símbolo” não oficial do distrito otaku de Tóquio.

Enquanto os fãs lamentavam a perda de um marco icônico, tornou-se aparente que eles logo estariam de luto pela perda do pôster gigante que ajudou a tornar a fachada tão reconhecível também. O pôster final postado por Sega Akihabara Building 2, apresentando personagens do jogo de navegador gratuito japonês Kantai Collection, mais conhecido como KanColle, seria removido em seções e o trabalho de remoção começou no dia 16 de setembro.

Enquanto o prédio despojado tem sido uma visão triste para os fãs, esta nuvem negra vem com um forro de prata, já que muitos dos jogos de arcade KanColle do prédio 2 foram transferidos para o prédio número um da Sega nas proximidades. O enxugamento das operações da Sega segue uma tendência preocupante em Tóquio, onde várias empresas foram forçadas a fechar as portas recentemente.