A mídia social chinesa pede às pessoas que cortem as máscaras cirúrgicas antes de descartá-las

A reutilização de uma máscara, especialmente por alguém infectado com a doença, apenas levará o vírus a se espalhar cada vez mais

A mídia social chinesa pede às pessoas que cortem as máscaras cirúrgicas antes de descartá-las

O Coronavírus está em alta em todo o mundo. O surto da doença misteriosa teve origem na província chinesa de Wuhan e as pessoas estão correndo para tomar medidas preventivas contra a doença.

Muitas pessoas estão comprando máscaras cirúrgicas a granel, até o ponto em que estão se tornando cada vez mais difíceis de serem encontradas. Algumas lojas aumentaram drasticamente o preço devido à alta demanda.

‘Corte suas máscaras antes de jogá-las fora’ é um dos principais tópicos do Weibo, o equivalente chinês ao Twitter, com a hashtag sendo compartilhada por muitos influenciadores populares no site.

E, embora ainda não haja casos confirmados, a hashtag se espalhou rapidamente e entrou nos cinco principais tópicos de tendências do site. As pessoas estão recomendando que cortem suas máscaras usadas antes de descartá-las para evitar que elas sejam revendidas. A Weibo está avisando que algumas pessoas sem escrúpulos, podem coletar máscaras que já foram usadas e revendê-las.

N01 - 03-02-2020