Governo se compromete em manter o público informado sobre vacinas

O governo afirma que fornecerá informações baseadas na ciência e fáceis de entender sobre as vacinas, incluindo sua eficácia e efeitos colaterais. Ele arcará com todos os custos da vacinação

Governo se compromete em  manter o público informado sobre vacinas

O governo japonês afirma que manterá o público bem informado sobre as vacinações contra o coronavírus, que começam na quarta-feira. Cerca de 10.000 a 20.000 profissionais da área médica são os primeiros na fila para receber as vacinas, seguidos por idosos e outros grupos de risco.

O primeiro-ministro Suga Yoshihide disse que deseja que as autoridades apoiem os esforços para levar a cabo o programa de vacinação de forma rápida e suave. O governo acredita que uma implementação harmoniosa do plano de vacinação é essencial para evitar a propagação do vírus e, ao mesmo tempo, manter a economia em funcionamento.

O Estado de Emergência do coronavírus está atualmente em vigor para Tóquio, Osaka e outras oito províncias. Autoridades do governo dizem que o ritmo de declínio no número de novos casos de infecção está diminuindo.

As autoridades pedem que as pessoas continuem a evitar passeios não essenciais, bem como a trabalhar de casa para reduzir o movimento de passageiros de transporte urbano publico em 70%.