Governo japonês vai usar IA para ajudar a subir a taxa de natalidade

O Gabinete do Governo está buscando uma aprovação de orçamento de dois bilhões de ienes para a iniciativa, que espera lançar no início do ano fiscal na primavera

Governo japonês vai usar IA para ajudar a subir a taxa de natalidade

Por décadas, o governo japonês tem tentado encontrar uma maneira de aumentar a taxa de natalidade em declínio contínuo no país. Seu plano mais recente: obter ajuda das máquinas. O Gabinete do Governo quer aumentar a taxa de natalidade por meios indiretos, aumentando o número de novos casamentos e planeja fazer isso usando programas de inteligência artificial.

De acordo com os arquitetos da iniciativa, cerca de 25 das 47 províncias do Japão têm atualmente algum tipo de serviço governamental de encontros para solteiros. Os usuários fornecem suas preferências como idade, renda ou nível educacional e os serviços fornecem uma lista de usuários que atendam aos seus critérios. No entanto, o Gabinete acredita que tais sistemas não são avançados o suficiente e deseja que os serviços de relacionamento utilizem sistemas de IA para ajudar as pessoas a encontrar alguém com quem sejam compatíveis em termos de personalidade.

Os sistemas de IA funcionariam fazendo com que os usuários respondessem algumas perguntas como hobbies e valores pessoais, que seriam considerados para encontrar combinações com maior probabilidade de levar ao casamento. Atualmente, cerca de uma dúzia de províncias possuem sistemas de combinação de IA administrados pelo Governo e, segundo o plano, o Governo central pagaria por dois terços dos custos de sua introdução e operação.

Os nascimentos fora do casamento são quase inexistentes no Japão, então há lógica em subir o número de casamentos no plano geral para aumentar a quantidade de bebês, especialmente com o registro de casamentos anuais no país caindo em 2019.