Governo japonês está considerando isenção de impostos para pais solteiros

Atualmente, os pais que ficaram solteiros por causa do divórcio ou da morte de seu cônjuge são elegíveis para deduções de renda e imposto de residência.

Governo japonês está considerando isenção de impostos para pais solteiros
liane-metzler-B32qg6Ua34Y-unsplash

A administração do primeiro-ministro Shinzo Abe e a coalizão governista estão considerando fornecer isenção de imposto de renda para pais solteiros, que recebem subsídios de assistência à infância.

Um dos partidos aliados ao Partido Liberal Democrático (LDP), tem procurado aplicar as deduções fiscais para os pais solteiros que nunca se casaram. Mas o LDP se opõe à medida, por medo de incentivar as pessoas a permanecerem solteiras.

O apoio a famílias monoparentais solteiras está no topo da agenda de discussões sobre reforma tributária para o ano fiscal de 2020, que começam em 1º de abril.