Entregador fanfarrão deixa motorista inconformado no Japão

Parece que os dois motoristas estavam um pouco exaltados para estarem dirigindo no Japão

Entregador fanfarrão deixa motorista inconformado no Japão
Desbravando o Japão

Toda a ação ocorreu em um semáforo da cidade de Yokohama, quando um entregador de motocicleta avançou na frente de um carro, enquanto o trânsito estava parado no sinal vermelho. O entregador aproveitou do espaço a frente do carro para avançar, quando o motorista buzinou para chamar a atenção, pois havia possibilidade de colisão. Vale lembrar que é muito raro o uso da buzina pelo motoristas japoneses.

Visivelmente insatisfeito com a ação, o entregador não deixou barato e mostrou o dedo ao motorista, que ficou perplexo. E isso ainda saiu na tv japonesa. Nem um dos dois não durava um minuto no Brasil, pode até escolher a cidade, não durava um minuto.

E porque os motoristas do Japão não usam a buzina?

É uma dúvida válida, já que a buzina é muito usada em outros países, incluindo o Brasil. O ato de buzinar causa problemas de ruído, a Lei de Trânsito Rodoviário estabelece restrições ao uso de buzinas com penalidades no Japão e as buzinas são usadas apenas como aviso no trânsito ou em casos perigosos. Ela deve ser usada por um período bem curto de tempo e é proibido o uso em outros casos (como para chamar uma pessoa ou usar como um “oi” para os amigos). Além disso, o volume e o tom da buzina também são regulamentados pela Lei de Veículos de Transporte Rodoviário e pelas normas de segurança.

motorista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também