Começam as entregas das máscaras fornecidas pelo governo japonês

As máscaras de pano têm vãos maiores entre as fibras do que as cirúrgicas, mas o governo defende o programa como “razoável”, dizendo que a distribuição das máscaras ajudará a reduzir a demanda por descartáveis

Começam as entregas das máscaras fornecidas pelo governo japonês
Desbravando o Japão

Parte da série Coronavírus, em 356 posts

As máscaras de pano começaram a chegar às agências dos correios em Tóquio na quinta-feira, sob um controverso programa do governo japonês para sua distribuição universal para ajudar a conter o novo surto de coronavírus.

Com o número de pessoas infectadas pelo vírus causador de pneumonia aumentando drasticamente em Tóquio e em outras grandes cidades nas últimas semanas, o governo começa a entregar duas máscaras laváveis ​​para cada família por correio, desde a última sexta-feira, em áreas mais atingidas. O objetivo é concluir a entrega em todo o país até o final de maio.

O programa de 46,6 bilhões de ienes para distribuir um total de 100 milhões de máscaras, no entanto, foi ridicularizado por críticos que chamam de desperdício de dinheiro dos contribuintes e duvidam da eficácia das máscaras de pano em comparação com as cirúrgicas que se tornaram escassas.

Eles zombam da iniciativa como “Abenomask“, um trocadilho com “Abenomics“, do primeiro-ministro Shinzo Abe, sua política econômica. “Queremos nos preparar rapidamente e garantir que as pessoas os recebam”, disse uma pessoa encarregada da entrega nos correios de Setagaya, em Tóquio, quando caixas de máscaras foram trazidas de caminhão pela manhã.

Começam as entregas das máscaras fornecidas pelo governo japonês 1
Um funcionário da Japan Post Co verifica máscaras de pano
Foto: KYODO

Leia em Japan Today (Inglês)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também