Base portátil de celular será testada para ajudar no socorro de alpinistas desaparecidos no Japão

A Prefeitura de Niigata e a gigante de telecomunicações KDDI Corp. testarão uma estação de celular portátil neste verão, que pode localizar alpinistas perdidos que estão fora do alcance das estações base regulares

Base portátil de celular será testada para ajudar no socorro de alpinistas desaparecidos no Japão

Uma estação de celular portátil dentro de um helicóptero, enviará ondas de rádio, permitindo que os socorristas a bordo se comuniquem com os alpinistas perdidos via smartphone, a até 2 quilômetros de distância. O teste será realizado com um helicóptero da prefeitura e será usado em casos de desastre na área montanhosa de Uonuma, na prefeitura.

A estação portátil também pode detectar sinais sutis de smartphones, permitindo que os socorristas identifiquem a localização dos alpinistas com uma margem de erro de 10 metros ou menos, mesmo se estiverem escondidos sob a floresta.

O governo da província de Niigata destinou 362.000 ienes (US $ 3.290) para o teste em seu plano de orçamento inicial para o ano fiscal de 2020. “Se conseguirmos localizar alpinistas perdidos antes que as baterias de seus smartphones acabem, sua taxa de sobrevivência aumentará substancialmente”, disse uma autoridade do governo da província.

Segundo a Agência Nacional de Polícia, 3129 alpinistas desapareceram no Japão em 2018. A causa mais comum dos desaparecimentos foi o fato de terem perdido o seu caminho, em quase 40%, ou 1187, do total. Outras razões incluíam descer ladeiras, ferimentos, doenças e fadiga.

N45 -20-03-2020
Uma estação base de celular portátil, pesando cerca de 7 kg,
será carregada em um helicóptero. 
Foto: KDDI Corp.

Leia em Asahi (SHINYA TAKAGI - Inglês)

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *