18 milhões de ienes foram roubados por meio do serviço de moeda virtual da NTT Docomo

Investigações preliminares apontam que terceiros tenham obtido os números das contas bancárias e as senhas das vítimas, usadas para se registrar no serviço de moeda virtual, para realizar as transferências de fundos

18 milhões de ienes foram roubados por meio do serviço de moeda virtual da NTT Docomo

Cerca de 18 milhões de ienes (cerca de 170 mil dólares) foram roubados de contas bancárias vinculadas ao serviço de moeda virtual da NTT Docomo Inc. desde agosto, disse um executivo da maior operadora de telefonia móvel do Japão, solicitando que a polícia iniciasse uma investigação em uma suspeita de fraude. Até a quinta-feira, 66 casos de saques não autorizados, de contas em 11 bancos conectados ao serviço de moeda virtual foram confirmados, de acordo com a NTT Docomo.

“Nossas medidas para verificar as identidades dos usuários foram insuficientes”, disse o vice-presidente executivo sênior da NTT Docomo, Seiji Maruyama, em uma entrevista coletiva em sua sede em Tóquio. Os incidentes aconteceram após uma centenas de contas de clientes do serviço de pagamento eletrônico das lojas de conveniência Seven-Eleven no Japão terem sido hackeadas em julho do ano passado, com perdas avaliadas em quase 39 milhões de ienes.

A NTT Docomo, suspendeu a vinculação das contas bancárias de seus clientes com o serviço de moeda virtual de 35 bancos parceiros e disse que vai negociar com os bancos para tentar indenizar as vítimas pelos montantes roubados. A Agência de Serviços Financeiros ordenou à NTT Docomo que relate a causa da situação e suas medidas de melhoria.

Em maio do ano passado, houve casos semelhantes de saques indevidos de contas do Resona Bank vinculadas ao serviço de dinheiro eletrônico da NTT Docomo, mas a operadora de telefonia móvel disse que falhou em aumentar as verificações de identidade do usuário para evitar uma recorrência. Entre os 35 bancos parceiros, 7 credores regionais interromperam todas as transações com o serviço de moeda virtual.