YouTuber japonesa é presa por suspeita de agredir colega de quarto

YouTuber

Anuncie

Rei Fukuoka, uma popular criadora de conteúdo de 27 anos com 160 mil inscritos, foi presa sob suspeita de múltiplas agressões a um homem com quem dividia um apartamento em Itabashi, Tóquio.

A relação da YouTuber e da vítima

Fukuoka e Hiroaki Kaneko, de 34 anos, viviam juntos e são ambos suspeitos de terem agredido a vítima diversas vezes entre janeiro e maio deste ano. As agressões, descritas como brutais, incluíam jogar água fervente no rosto e na nuca da vítima, além de pressionar uma frigideira quente contra suas costas.

YouTuber

Os três moravam sob o mesmo teto em uma relação peculiar, onde vítimas e agressores coexistiam. Fukuoka e a vítima originalmente trabalhavam como funcionários em um bar administrado por Kaneko, que estava em um relacionamento com Fukuoka. A razão para morarem juntos era que Kaneko queria transformar a vítima em uma pessoa confiável.

YouTuber

Kaneko gerenciava o dinheiro ganho pela vítima em trabalhos de entrega de comida, e quando a vítima não atingia a meta, era punida com agressões.

A vítima, que aparentemente foi escaldada quase diariamente, sofreu queimaduras que levaram cerca de um mês para cicatrizar no rosto e nas costas. A polícia ainda não divulgou os depoimentos de Fukuoka e Kaneko.

Leia também

0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *