Temporada das chuvas no Japão: mofo pode causar problemas de pele 

mofo
,

Anuncie

Em Mana, Tóquio, foi registrada a temperatura máxima de 31,4°C. Muitas mulheres usavam sombrinhas para se proteger do sol intenso. Apesar do céu nublado, a sensação de calor é extrema.

O mofo e as doenças de pela

Este ano, a temporada das chuvas apresenta perigos específicos, alternando entre chuvas intensas e calor úmido. O mofo tende a se proliferar durante essa estação. Com dias consecutivos de temperaturas acima de 30°C, o uso de ar condicionado provoca uma grande diferença de temperatura entre o interior e o exterior, causando condensação que favorece o crescimento de mofo.

É importante ventilar, mesmo que brevemente, independentemente do clima. Outra medida eficaz é usar ventiladores ou circuladores de ar para manter o ar em movimento e evitar que o mofo se fixe nas paredes.

mofo

O mofo também pode afetar a pele. Em uma clínica no distrito de Chuo, Tóquio, houve um aumento de pacientes com problemas de pele causados pelo mofo.

Uma paciente relatou pequenas espinhas nas costas no início de junho. O médico diagnosticou como Malassezia, uma inflamação causada pelo crescimento de um fungo nos poros, comum em climas quentes e úmidos.

Desde o início da temporada de chuvas, cerca de 50 pacientes procuraram tratamento na clínica. Uma mulher notou que a erupção cutânea se espalhou sem que ela percebesse, possivelmente devido ao suor. O calor extremo deste ano também tem causado brotoejas em algumas pessoas.

Para prevenir esses problemas, recomenda-se trocar as roupas suadas sempre que possível e usar tecidos que facilitem a evaporação do suor.

Assine e receba os posts em seu email

0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *