Todo Dia JP – Conteúdo relevante para os brasileiros no Japão – Alguns direito reservados

Motorista de ônibus do Japão não passa em teste do bafômetro e culpa pãozinho

ônibus

O caso aconteceu na cidade de Takatsuki, em Osaka. A empresa tomou medidas disciplinares contra um de seus motoristas, pego no teste do bafômetro.

O procedimento para motoristas de ônibus da cidade é rígido

De acordo com a prefeitura, ele se defendeu dizendo que comeu um pão cozido no vapor antes de ir trabalhar. O teste foi realizado por volta das 9h e foram encontrados 0,11 miligramas por litro.

ônibus

De acordo com a Lei de Trânsito japonesa, o limite para dirigir sob a influência de álcool é de 0,15 miligramas. Porém, os regulamentos internos da cidade limitam a 0,07 miligramas.

ônibus

Segundo um funcionário, há uma instrução sobre cuidados ao consumir certos alimentos antes do expediente. O fabricante do bafômetro já testou os efeitos do anpan. Logo após o consumo, o teste aponta 0,18 miligramas, dando um falso positivo.

ônibus

O mesmo resultado já foi detectado com refrigerantes e bebidas energéticas. No entanto, enxaguar a boca ou esperar pelo menos 15 minutos, fazem o efeito desaparecer.

O motorista foi testado três vezes no dia. Porém, em todos, os resultados ficaram acima dos padrões estabelecidos pela prefeitura. Não houve impacto nas operações dos ônibus da cidade.

0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *