Japonês rancoroso polvilha parafusos nas ruas de Nagoya

Jogar pregos e parafusos no meio da rua é uma maneira ofensiva de dizer “estou chateado com você”

Japonês rancoroso polvilha parafusos nas ruas de Nagoya
Desbravando o Japão

As imagens de uma câmera de segurança mostraram uma pessoa de bicicleta, passeando em uma área residencial de Nagoya. Aparentemente, o homem deixa cair algo de sua mão. Eram pregos e parafusos. Durante a investigação, a polícia chegou ao suspeito, um funcionário de escritório de 55 anos que morava na cidade. Segundo vizinhos, cerca de 30 pregos e parafusos foram encontrados no mesmo local dessas filmagens em junho.

De acordo com o Yomiuri Shimbun, mais de 1500 pregos e parafusos foram encontrados na casa do homem, que continua sendo investigado por violação da Lei de Trânsito e Rodovias. Será que ele tá chateado por não ter carro e quer que todo mundo ande de bicicleta. Esse tipo de protesto é meio furado.

Parafusos e a dor de cotovelo

Não, isso não é uma maneira válida de protesto ou de chamar atenção. É claro que a rua é pública, mas mesmo alguém, aparentemente chateado, sabe que existe a possibilidade de que alguém se machuque, e muito, com uma brincadeira dessas. Por isso é que as leis são rígidas e todos que cobram, são atendidos. Jogar lixo na rua já é um costume impraticável, imagine polvilhar parafusos e pregos, aí você foi longe de mais parceiro!

parafuso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também