Japão quer mudar regra de exportação para tornar produção de aeronaves de combate competitiva

Nenhum resultado foi encontrado. There aren’t any results matching your search query.

O Primeiro-ministro Fumio Kishida está enfatizando a necessidade de ampliar as exportações de seu próximo caça, desenvolvido em colaboração com o Reino Unido e a Itália. Esta posição reflete o apoio à proposta do Conselheiro Makoto Nishida do Partido Komeito.

Exportando armas

Kishida destacou a importância dos aviões de combate para a segurança do Japão, uma nação insular vulnerável a ataques aéreos e marítimos, especialmente considerando os danos ocorridos durante a Segunda Guerra Mundial.

exportação

No entanto, há preocupações com as restrições às vendas de armamentos japoneses para outros países, o que poderia afetar negativamente o desenvolvimento conjunto do caça e a defesa do país.

exportação

Sem um mecanismo para exportação direta, reduzir os custos de produção será desafiador. Desde outubro do ano passado, o Primeiro-ministro tem defendido a promoção das exportações, visando reduzir custos e atender às demandas de melhoria de desempenho dos caças.

exportação

Ele ressaltou que sem uma mudança no atual sistema, o Japão poderia perder credibilidade como parceiro de desenvolvimento internacional.

Assine e receba os posts em seu email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais posts