Japão pondera redução de alertas de viagens internacionais emitidos devido à pandemia

Japão considera reduzir os avisos de viagens para todos os países e regiões em resposta à pandemia de coronavírus

Japão pondera redução de alertas de viagens internacionais emitidos devido à pandemia
TDJP

Receba os posts por email assim que foram publicados

Parte da série Coronavírus, em 356 posts

No final de março, os avisos de viagens do Ministério das Relações Exteriores foram elevados ao Nível 2 em sua escala de quatro, solicitando aos cidadãos que evitassem viagens não essenciais, já que o controle de fronteiras mais rígido e a imposição de bloqueios aumentaram o risco de ficarem presos.

O ministério está pensando em reduzir os avisos de viagens que emite devido à instabilidade política ou outros motivos, enquanto mantém seus alertas mais específicos para doenças infecciosas, como o coronavírus. Nenhum deles é juridicamente vinculativo.

“Recentemente, mais voos internacionais estão retomando as operações. Os controles de fronteira também foram relaxados”, disse um alto funcionário do ministério.

O ministério pode reduzir o aviso de viagens para o Nível 1, pedindo aos cidadãos que tenham cuidado ou o levantem completamente. Quanto a alertas de viagens mais específicos para doenças infecciosas, 159 países e regiões estão agora colocados no Nível 3, alertando contra todas as viagens. E também deve reduzir o alerta em um nível para o Vietnã e alguns outros países que têm um baixo número de infecções, de acordo com as autoridades.

Leia em Mainichi (Inglês)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também