Japão estima em 100 bilhões ienes o impacto do vírus em grandes empresas

O Partido Liberal Democrata do Primeiro-Ministro Shinzo Abe, pediu um pacote de 60 trilhões de ienes, incluindo 20 trilhões de ienes de gastos fiscais

Japão estima em 100 bilhões ienes o impacto do vírus em grandes empresas

O governo japonês está pensando em investir 100 bilhões de ienes em grandes empresas que sofrem com o novo surto de coronavírus, já que o impacto da pandemia em expansão teme reduzir a capacidade financeira das empresas, conforme publicou o site de notícias Kyodo News.

O governo está estudando a compra de ações, preferencialmente de empresas que precisem de apoio, independente ao setor que atuam, para melhorar suas condições financeiras por meio do Banco de Desenvolvimento do Japão, disse a fonte.

Os setores de transporte aéreo, automotivo e marítimo estão emergindo como os setores mais atingidos, com a disseminação do vírus provocando restrições de viagens em muitos países, interrompendo a cadeia de suprimentos e a produção e dificultando as atividades comerciais.

O banco de propriedade do governo pode fornecer apoio financeiro total de 400 bilhões de ienes para grandes empresas por meio de tais investimentos e empréstimos, disse a fonte. O governo também concederá uma moratória aos pagamentos de impostos por empresas que viram sua receita mensal desde fevereiro cair 20% ou mais em relação ao ano anterior devido à epidemia de coronavírus, além de um pacote econômico de estimulo para o país.

N11 - 06-04-2020
Aeroporto de Haneda em Tóquio
Foto: Reuters

Veja também

Assine nossa newsletter