Homem é acusado de furto e destrói loja no Japão

O homem admitiu as acusações sobre os danos à loja

Homem é acusado de furto e destrói loja no Japão
Desbravando o Japão

Receba os posts por email assim que foram publicados

Você deve ter visto o vídeo de um homem destruindo a fachada de uma loja do Don Quixote, mais conhecido como Donki Hotte no Japão. A loja, que fica na cidade de Nagoya, em Aichi, foi atacada violentamente pelo homem em fúria. O quebra-quebra só terminou com a chegada da polícia, que conteve o japonês. Shinji Kakutani, de 37 anos, foi preso sob suspeita de danos à propriedade. 

O que levou o homem a ficar tão bravo

Segundo testemunhas, Kakutani foi acusado por um dos funcionários de ter furtado itens dentro da loja. Mesmo se defendendo das acusações, os atendentes chamaram a polícia, o que enfureceu o japonês, ao ponto de sair quebrando tudo em seu caminho. Mesmo preso após a ação, Kakutani continuava dizendo que não roubou nada. A polícia está investigando as circunstâncias e motivações da violência em detalhes e o japonês admitiu as acusações de danos ao local.

Homem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.