Extinção em massa ocorreu devido impacto de meteoro em ilha do Japão

A extinção em massa de 11,6 milhões de anos atrás não está incluída nas Cinco Grandes já ocorridas, mas é uma das 11 maiores dos últimos 300 milhões de anos

Extinção em massa ocorreu devido impacto de meteoro  em ilha do Japão
Imagem ilustrativa

Um evento de extinção em massa, a cerca de 11,6 milhões de anos, pode ter ocorrido em decorrência ao impacto de um enorme meteoro no Oceano Pacífico, na costa da ilha de Minami-Torishima, a 1.860 quilômetros a sudeste de Tóquio, na cadeia de ilhas de Ogasawara, conforme afirmam pesquisadores da Agência Japonesa de Ciência e Tecnologia da Terra-Marinha.

No estrato geológico de 11 milhões de anos atrás, a uma profundidade de 5.600 metros, os pesquisadores descobriram uma grande concentração de ósmio, um metal precioso. Eles também encontraram irídio e outros elementos.

Após calcular a proporção de isótopos e outros fatores, os pesquisadores liderados por Tatsuo Nozaki, concluíram que os elementos são de origem extraterrestre e caíram na Terra em um impacto de meteorito, que deve ter caído no mar, pois não há evidências em terra.