Batata-doce assada, quente ou fria, em máquina automática no Japão

De fraldas a insetos comestíveis e até origami, há muitos itens estranhos e maravilhosos que estão à espera de serem encontrados nas máquinas de venda japonesa. Em Miyazaki, yaki imo é a novidade

Batata-doce assada, quente ou fria, em máquina automática no Japão

A batata-doce assada japonesa conhecida como yaki imo, são normalmente vendidas na rua, em carros que lembram o carro da pamonha no Brasil, que lentamente circulam as ruas dos bairros anunciando seus produtos.

Agora, nas cidades de Hyuga e Nobeoka, na província de Miyazaki, na ilha de Kyushu, ao sul do país, as batatas assadas estão disponíveis dia e noite, em várias máquinas de venda automática.

A máquina vende duas variedades de batata-doce: o beni haruka pegajoso e o annou imo denso e úmido. O mais surpreendente foi o fato de que havia opções de temperatura para cada um, com o primeiro disponível em variedades quentes ou frias, e o último servido frio.

Os preços variam de 300 ienes a 350 ienes e vem agradando os japoneses da ilha. Torcemos para que a novidade chegue a ilha principal em breve.

Batata-doce assada, quente ou fria, em máquina automática no Japão 1
Foto: SoraNews24
Batata-doce assada, quente ou fria, em máquina automática no Japão 2
Foto: SoraNews24