Aluna de Ishikawa vence campeonato mundial de capoeira

A estudante de 13 anos vem de uma família apaixonada pela capoeira e seus movimentos

Aluna de Ishikawa vence campeonato mundial de capoeira
Desbravando o Japão

Akari Tachi, uma estudante de 13 anos do ensino médio da província de Ishikawa, tornou-se campeã feminina sub-14 na competição solo da Federação Mundial de Capoeira no dia 9 de janeiro. “Espero continuar competindo na capoeira e ficar infinitamente descolada”, disse Tachi, aluna da primeira série da Matto Junior High School, na cidade de Hakusan.

Tachi, integrante da academia Gueto Capoeira de Kanazawa, começou a praticar capoeira ainda na primeira série do ensino fundamental, influenciada por seu pai, Toshihiko, que também é praticante. Ela disse que ficou fascinada com os movimentos rápidos da capoeira quando visitou a academia pela primeira vez. Tachi venceu o campeonato nacional de estudantes em 2017 e 2019. “Sinto-me atraída pela capoeira porque, comparada com outras artes marciais, tem mais liberdade e muitos elementos para desfrutar”, afirma.

Por causa da pandemia do COVID-19, o campeonato mundial que começou em novembro foi realizado com participantes convidados a enviar videoclipes de apresentações de 45 segundos. Oito competidoras do Japão, Rússia e Portugal participaram do torneio feminino sub-14, para jovens de 12 e 13 anos.

Na terceira e última rodada, onde dois jogadores competem, Tachi realizou 15 movimentos, incluindo au sem mão – uma estrela aérea realizada sem usar as mãos – e au batido – uma parada de mão com uma mão dando um chute lateral com uma perna, mantendo a outra perna esticada no ar – para se tornar a campeã. Surpreendentemente, na escola, ela não pertence a nenhum clube esportivo, mas participa do clube da cerimônia do chá. “Posso aprender maneiras de controlar minha mente” por meio das cerimônias do chá, disse ela.

Leia em Japan Times (Inglês)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também