A companhia aérea japonesa ANA testa porta que pode ser aberta com o cotovelo

Um porta-voz disse que o design de “maçaneta para cotovelo” estava apenas “no início [da] fase de testes”

A companhia aérea japonesa ANA testa porta que pode ser aberta com o cotovelo
Desbravando o Japão

Parte da série Coronavírus, em 356 posts

A companhia aérea japonesa All Nippon Airways (ANA) está tentando transformar a experiência do banheiro em algo novo, com uma “maçaneta” que pode ser aberta e fechada com o cotovelo. Ela estava em fase de testes no Aeroporto Haneda de Tóquio. A ANA está coletando feedback para decidir se vai implantar o sistema.

A “maçaneta de cotovelo” foi testada pela primeira vez no aeroporto de Haneda em meados de junho. Existem dois componentes diferentes para o mecanismo de travamento, que foi desenvolvido em conjunto com a gigante fornecedora de interiores de aeronaves, Jamco. O primeiro envolve uma fechadura deslizante, que permite ao usuário travar ou destravar a porta por dentro. Uma segunda maçaneta permite que o usuário empurre a porta aberta, para que eles possam sair.

Um porta-voz da ANA disse à BBC que alguns de seus aviões já estavam equipados com torneiras do tipo sensor nos lavatórios. A companhia aérea, portanto, decidiu que também queria tornar o processo de abertura de portas com as mãos livres. A princípio, explorou a opção de abrir a porta do banheiro com o pé, mas decidiu desistir por “motivos de segurança como turbulência e os passageiros podem perder o equilíbrio”.

Não está claro se a nova “maçaneta”teria que passar por regulamentos e padrões de aviação antes de ser lançada. A firma de engenharia de aeronaves Haeco Americas também está desenvolvendo uma maneira sem toque de abrir a porta de um banheiro por meio do uso de sensores, de acordo com a CNBC.

Leia em BBC (Inglês)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também