Foram registrados 1805 suicídios em setembro no Japão

Os casos entre as mulheres subiram quase 30% em relação a setembro ano passado

Foram registrados 1805 suicídios em setembro no Japão

O número de suicídios relatados no Japão em setembro foi de 1805, um aumento 8,6% em relação ao mesmo mês de 2019, disse a Agência Nacional de Polícia (NPA). De acordo com os dados do NPA, do total, 1166 eram do sexo masculino, um aumento de 0,4% em relação a setembro de 2019. O total do sexo feminino – 639 – aumentou 27,5% em relação ao ano passado.

Por província, Tóquio lidera a lista com 194 suicídios, seguida por Saitama (110), Aichi (109) e Kanagawa (95).

O NPA disse que o número de suicídios em todo o país aumentou por três meses consecutivos desde julho. Funcionários do Ministério da Saúde dizem que o aumento nos suicídios pode ser devido à depressão e ansiedade provocadas pelo coronavírus, já que muitas pessoas perderam seus empregos ou sofreram fadiga devido ao fato de ficarem presas em casa e perderem o contato cara a cara com família e amigos.

Se você ou alguém que você conhece precisa de aconselhamento, o site Consulado Geral do Brasil em Nagoya faz parcerias com psicólogos para auxiliar membros da comunidade.