Furtos on-line saltam para ¥776 milhões em um mês no Japão

Um truque típico usado pelos fraudadores é enviar mensagens de texto aleatoriamente e fazer com que pareçam ter sido enviadas pelos bancos

Furtos on-line saltam para ¥776 milhões em um mês no Japão
Computer hacker and cyber crime

Um aumento acentuado no número de saques ilegais de contas bancárias on-line foi relatado nos últimos meses, segundo a Agência Nacional de Polícia.

Em novembro, foram registrados 573 casos de saques não autorizados de contas bancárias na Internet e transferências de dinheiro, no valor de 776 milhões de ienes, em comparação com 105 casos e 67 milhões de ienes em agosto, mostraram dados divulgados pela agência na semana passada. Em julho, o número de casos totalizou 48.

A Associação Japonesa de Banqueiros, que compartilha informações com a agência, vem alertando os usuários a não abrirem e-mails “suspeitos” ou outras mensagens de texto digitais e excluí-los o mais rápido possível.

Um truque típico usado pelos fraudadores é enviar mensagens de texto aleatoriamente e fazer com que pareçam ter sido enviadas pelos bancos. Nas mensagens, os usuários são solicitados a redigitar suas senhas para contas de poupança e outras informações pessoais para aprimorar a segurança. Normalmente, essas mensagens são projetadas para direcioná-las a sites falsos de operadoras de bancos on-line.

Esses sites de phishing até roubam senhas de autenticação de dois fatores, permitindo que os fraudadores transfiram dinheiro roubado para outra conta em pouco tempo, segundo a agência.

N40 - 24-12-2019
A Associação Japonesa de Banqueiros vem alertando os usuários a não abrirem e-mails “suspeitos” ou outras mensagens de texto digitais e excluí-los o mais rápido possível